,

Loki

loki


Biografia

Loki é um paradoxo em si, o fruto do engano e da artimanha. O deus do engano não nasce em Asgard, mas é o filho do rei dos Gigantes de Jotunheim, uma raça bárbara mitologicamente inimiga eterna dos asgardianos. Portanto, nem é um deus, nem é imortal, nem é forte. Na verdade, é raquítico e pequeno para os padrões de sua raça e é separado por seu pai Laufey ao considerá-lo uma decepção. No entanto, depois que Odin mata seu pai – o próprio Loki insita Laufey a enfrentá-lo numa batalha única – ele o adota como seu próprio filho a mando do fantasma do pai Odin. Uma confusão, não é?

Além disso, sabemos que o fantasma de Bor, o pai de Odin e primeiro rei de Asgard, é realmente Loki, que viajou ao passado para atormentar Odin e garantir que lhe adote e lhe dê um lugar no Panteão dos deuses nórdicos.

.

Além de sua origem complicada, a história de Loki lembra muitos arquétipos nos quais o irmão mais novo e menos favorecido pelo pai, cresce cheio de ressentimento e acaba se rebelando contra a casa que o acolheu. Assim, Loki odeia seu irmão Thor e, consequentemente, a todos os asgardianos que o tratam melhor do que ele mesmo. Enquanto seu irmão é forte e valente, algo admirado por todos, as habilidades de Loki se fundamentam mais na magia e no intelecto, o que não é muito comum em Asgard. Portanto, Loki rapidamente descobre que seu destino não se encontra na cidade nórdica… pelo menos não como servo.

A cada passo tentará acabar com Thor e Odin para que fique no centro dos nove reinos comandando exércitos de inimigos até Asgard, em muitas ocasiões, sem que seus enviados realmente saibam para quem trabalham.

[amazon_link asins=’1846536561,8490242593,8490242569,9002260512,8490944679,9002260520,8490241007′ template=’ProductCarousel’ store=’idamov-21′ marketplace=’ES’ link_id=’fe7fdf13-2215-11e7-957c-671cda2cc97e’]

Personalidade

É muito fácil cair em uma simples caracterização de Loki. Sim, é o Deus do mal e do engano. Sim, é cruel em muitos de seus planos e joga com as pessoas como se fossem fantoches. E sim, tentou matar seu irmão, seu pai, sua madrasta, todos os asgardianos e toda a humanidade. Mas, defendendo seu ponto de vista, isto se deve à inveja que sente de Thor desde muito jovens, ou seja, desde a eternidade, o que lhe faz odiar a Thor e a Odin por ter sempre o deixado em segundo plano. No entanto, não é incapaz de reconhecer o bem comum, quando esse se alinha aos seus interesses pessoais, e lutar ao lado de Thor e dos Vingadores.

Afinal de contas, muitas vezes a sua maldade serve apenas para ocupar seu lugar no grande esquema universal do Universo Marvel.

Amigos e Inimigos

Os inimigos de Loki parecem ter ficado bem claro já, mas reitero. Thor e Odin. Obviamente, está aberta a temporada de caça contra todos os que amam ou defendam esses dois, especialmente Thor. Isso fez com que Loki enfrentasse não só uma boa parte do panteão nórdico, como Heimdall, Valquíria e Sif, mas também a Terra tenha sido objeto de seus erros e seus planos mais megalomaníacos. Desta maneira, enfrentou os Vingadores, controlou mentalmente a Jane Foster, se fez passar pela Feiticeira Escarlate… inclusive fez com que Thor matasse o Quarteto Fantástico e o Homem-Aranha – ressuscitou Odin, não soframos porque isso é Marvel -.

Curiosamente, não se pode dizer também que Loki tenha muitos amigos ou aliados. É verdade que comandou os inimigos de Asgard em várias ocasiões, que tramou com Hela e Skagg a destruição de sua cidade e inclusive está por trás do cerco que Norman Osborn e seu “Vingadores” fizeram em Asgard. No entanto, a sua tendência para se mover entre cenas e trair até mesmo sua filha se necessário – e o fez… – nos faz concluir que o único aliado e amigo de Loki é Loki. E às vezes nem isso.



Universo Cinematográfico da Marvel

Um dos – poucos – defeitos do Universo Cinematográfico da Marvel é a presença de vilões complicados que sirvam para algo mais do que ser um saco de pancadas para descartar o herói do dia. Caveira Vermelha, Ultron e o Mandarim – caso especialmente sangrento este último – não corresponderam às expectativas. Quanto a isso não é difícil, se as expectativas marcam o Loki de Tom Hiddleston. Depois do seu grande desempenho em Thor como um especialista na arte do engano e da manipulação, é uma ameaça tão grande que exige que os heróis mais poderosos do planeta se unam contra ele nos Vingadores. Por último, é um dos poucos elementos redentores de Thor: O Mundo Sombrio, uma das aparições mais fracas do Universo Cinematográfico da Marvel.

Será interessante ver qual lado escolhe –e por quanto tempo – em Thor: Ragnarok, em novembro e como evolui o relacionamento com seu irmão Thor – Chris Hemsworth-. As imagens do recente trailer nos levam a acreditar que é o dos mocinhos. Lembre-se, que a última coisa que vimos do mestre do engano foi que tinha suplantado Odin no trono de Asgard. Será que Loki tem algo a ver com a vinda de Ragnarok, assim como levou Thanos à Terra? Terá levado Hulk à Sakaar para ser um gladiador? As coisas saíram de controle? Algo não deve estar certo, mas certamente, é que não ficará claro até o final do filme.

[amazon_link asins=’B00F3U9N3M,B00GFODY80,B0089994RY,B00W5PG78W’ template=’ProductCarousel’ store=’idamov-21′ marketplace=’ES’ link_id=’11027d79-2216-11e7-9762-1bad916eb33f’]

Atribuições

Embora seja o filho fraco de um gigante – isso o tornaria uma pessoa normal, suponho -ou pelo tempo que passeou ali ou por algum tipo de magia ou ritual a esclarecer, o fato é que Loki conta com uma fisiologia asgardiana completa. Isso lhe dá força sobre-humana, resistência e regeneração próprias de um deus. Além disso, os poderes de Loki se constituiam muitas vezes na sua capacidade de alterar a realidade mística e  apresentar – ou forjar – objetos místicos com as pedras Norn a fim de aumentar drasticamente o seu poder ou criar ilusões que permitam confundir e manipular seus inimigos – e seus aliados… -.

Resumo

Mestre marionetista

Loki é capaz de fazer você enfrentar o seu melhor amigo. Tirar o pior de você, revelar seus desejos mais obscuros e é capaz de conseguir, sem esforço, para cumprir a sua vontade. Não só isso, mas você acreditará que faz por vontade própria e sem deixar que ninguém lhe diga o contrário. Esta capacidade de Loki, através de lábia e magia, faz de qualquer um uma peça em seus planos, o que o torna mais perigoso. Especialmente porque, em certas ocasiões, se deixa levar por sua natureza caótica, o que para ele possa ser um simples passatempo, se torna uma ameaça à própria realidade.

[amazon_link asins=’B00NYZTQOE,B00S09QNPY,B007DJ91ME,B01JTHVKMQ,B00OZI9EUA’ template=’ProductCarousel’ store=’idamov-21′ marketplace=’ES’ link_id=’1dd89ece-2216-11e7-8995-2904b5d5cfc1′]